Mulher grávida é agredida com socos e chutes por sogra e concunhada em MS: ‘passei por onde ela estava limpando’

Ticker

6/recent/ticker-posts

Mulher grávida é agredida com socos e chutes por sogra e concunhada em MS: ‘passei por onde ela estava limpando’

Uma mulher de 28 anos, grávida de quatro meses, procurou uma delegacia de Maracaju (MS), no início da tarde desta segunda-feira (28), dizendo ter sido agredida com socos e chutes no rosto e na barriga pela sogra e concunhada dela. Segundo a vítima, as agressões começaram após ela caminhar em uma área onde a concunhada estava limpando.

Conforme a vítima, o marido dela está trabalhando em Bodoquena (MS), a 251 km do local das agressões, e ela estava morando há duas semanas na casa que pertence a tios dele.

De acordo com a mulher, ela passou pela varanda que era limpa pela concunhada e foi para o quarto. A suspeita foi atrás dela até o cômodo e disse que ela precisava pedir autorização para passar pela varanda, além de xingá-la, e saiu batendo a porta, conforme consta no registro policial.

Como os xingamentos não cessaram, a vítima contou à polícia que foi atrás da concunhada e foi empurrada por ela. Após revidar o empurrão, a vítima disse que recebeu socos no rosto e na barriga.

Conforme a mulher, a sogra também participou das agressões ao derrubá-la no chão, dando socos e chutes também na barriga.

Para a polícia, a vítima comunicou que não iria procurar atendimento médico na cidade, e sim em Ponta Porã (MS), que fica a 156 km de Maracaju, onde mora uma outra familiar do esposo. Em depoimento, ela contou que sentiu dores na barriga após as agressões.

De acordo com o registro policial, a vítima estava de malas prontas e alegou que iria viajar para a cidade que fica na fronteira com o Paraguai com a filha, que também morava na mesma casa, após registrar o boletim de ocorrência.

Fonte: G1

Postar um comentário

0 Comentários