Itaquiraí - Polícia apreende 450 kg de maconha em sítio usado de 'armazém do tráfico'

Header Ads Widget

Ticker

6/recent/ticker-posts

Itaquiraí - Polícia apreende 450 kg de maconha em sítio usado de 'armazém do tráfico'

A propriedade rural era usada para armazenamento e distribuição de maconha e 'skunk' - Crédito: Divulgação

Policiais da Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira) apreendeu em imóvel rural localizado em Itaquiraí 460 quilos de maconha, duas armas de fogo, dois automóveis e efetuou a prisão de dois indivíduos.

O sítio localizado no Assentamento 'Sul Bonito', município de Itaquiraí, funcionaria um entreposto de drogas ilícitas, principalmente maconha e 'skunk'.

Caminhões carregados com entorpecentes adentravam à área do sítio, onde eram descarregados. A propriedade era usada de "armazém" do tráfico de drogas.

Nos dias seguintes a essa movimentação ocorria um grande fluxo de automóveis menores no local, os quais retiravam a droga e a levavam para outras cidades, principalmente para as localizadas no Estado do Paraná.

Assim, por volta das 21 horas de Segunda-Feira (30) os policiais civis identificaram dois automóveis, um Hyundai HB20S e um VW Fox, adentrando ao sítio, constatando-se que iriam buscar uma carga de maconha.

Realizada a abordagem, um indivíduo empreendeu fuga em direção a uma área de mata e dois outros foram detidos, um deles o proprietário do imóvel.

Questionado, o proprietário do imóvel confessou que possuía maconha armazenada em um galpão, droga que estaria sendo oferecida a compradores residentes no Estado do Paraná.

Vistoriado o galpão, foram apreendidos 460 quilos de maconha, além de duas armas de fogo. Ademais, nesse local foi identificada grande quantidade de plásticos e fitas adesivas rasgadas, indícios de movimentação de grande fluxo de entorpecentes.

Os dois foram presos em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico. O proprietário do imóvel foi autuado, também, pela prática do crime de posse irregular de armas de fogo.

Fonte: douradosnews

Postar um comentário

0 Comentários