Professora e ex-candidata a vereadora em MS morre em hospital um mês após ser baleada

Header Ads Widget

Ticker

6/recent/ticker-posts

Professora e ex-candidata a vereadora em MS morre em hospital um mês após ser baleada

Anderci da Silva era professora e já havia se candidato à vereadora em Dourados — Foto: Redes sociais

A professora e ex-candidata a vereadora em Mato Grosso do Sul, Anderci da Silva, de 44 anos, morreu domingo (21), em um hospital particular de Campo Grande, um mês após ter dado entrada com ferimento causado por tiro.

Nas redes sociais da professora, diversas mensagens de carinho de amigos e parentes. "Ser maravilhoso que alegrava todos que conhecida. Sempre fazia os outros rirem", postou uma amiga. Outra publicou: "Que notícia triste. E que crueldade fizeram com você".

Investigação

A Polícia Civil investiga o caso e, segundo informações do boletim de ocorrência, Anderci foi deixada no hospital por uma caminhonete, cujo motorista não permaneceu no local. Ela tinha um ferimento nas costas e devido à gravidade, foi encaminhada para o CTI.

A ficha para o atendimento dela foi preenchida por uma enteada. A Polícia Militar (PM) esteve no hospital e o caso foi registrado para investigação da Polícia Civil.

Quatro dias após a internação, um filho de Anderci procurou a Polícia Civil e contou que a mãe havia parado de trabalhar fazia um ano e desde agosto de 2020 havia se mudado para Campo Grande com o namorado.

Ainda segundo relatos do filho dela à polícia, o namoro seria recente e o casal teria se conhecido na capital sul-mato-grossense. Ele contou ainda que a última vez que falou com a mãe foi em dezembro de 2020.

Ainda não há suspeitos presos.

Fonte: G1 MS

Postar um comentário

0 Comentários