Temporal em Belo Horizonte deixa ruas alagas e provoca tempestade de raios e chuva de granizo

Header Ads Widget

Ticker

6/recent/ticker-posts

Temporal em Belo Horizonte deixa ruas alagas e provoca tempestade de raios e chuva de granizo

RIO — Um temporal que atingiu Belo Horizonte na tarde desta quarta-feira, provocando alagamentos e estragos em diversos pontos da cidade. A força da água arrastou carros e arrancou asfalto no bairro Belvedere, além de deixar diversas pessoas ilhadas na Região Centro-Sul. Depois de um dia de intenso calor, diversos bairros também foram atingidos por chuva de granizo.

Por conta da tempestade, algumas regiões tiveram o fornecimento de energia elétrica suspenso. O alto volume de água trouxe risco de transbordamento para alguns córregos, como o Ferrugem e Ribeirão Arrudas, provocando o fechamento de avenidas como a Tereza Cristina. As informações foram divulgadas pelo G1.

O trânsito também foi interrompido no encontro entre as avenidas Vilarinho e Dr. Álvaro Camargos, em Venda Nova, região que também costuma sofrer com enxurradas.

Antes do temporal, a Defesa Civil emitiu um alerta de perigo, chamando atenção para o "risco de ocorrência de granizo em Belo Horizonte nas próximas três horas". O órgão também pediu atenção e cuidado para a população.

No bairro de Cachoeirinha, na Região Noroeste de Belo Horizonte, um raio caiu sobre uma fiação provocando um incêndio em um posto de combustíveis. Pessoas que estavam no local usaram extintores para combater as chamas, controlando a situação antes da chegada dos Bombeiros. Ninguém se feriu.

De acordo com a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), ainda de acordo com o G1, 250 raios foram registrados na Região Metropolitana de Belo Horizonte, 90 deles só na capital. A tempestade teve ventos de quase 70 Km/h.

A Cemig mobilizou equipes para atendimentos emergenciais, priorizando casos que ofereciam riscos à população, como fios partidos e objetos sobre a rede elétrica.

Fonte: O Globo

Postar um comentário

0 Comentários