Em dez dias, número de casos de covid-19 mais que dobra em MS e chega a 1.100 registros

Header Ads Widget

Ticker

6/recent/ticker-posts

Em dez dias, número de casos de covid-19 mais que dobra em MS e chega a 1.100 registros

Secretária adjunta de Saúde, Christinne Maymone, — Foto: Reprodução/G1 MS

Segundo a SES, somente nas últimas 24 horas foram confirmados 77 novos casos.


Em um período de dez dias, de 16 a 26 de maio, o número de casos de covid-19 em Mato Grosso do Sul mais que dobrou, passou de 508 para 1.100, segundo dados do boletim epidemiológico divulgados nesta terça-feira (26) pela secretaria estadual de Saúde (SES).

Segundo a SES, somente nas últimas 24 horas foram confirmados 77 novos casos. Os municípios com o maior número de registros foram: Dourados, com 28; Guia Lopes da Laguna, com 16; Fátima do Sul, com 10; Ponta Porã e Três Lagoas, com 5 e Campo Grande, com 4.

Das 1.100 pessoas infectadas pela doença em Mato Grosso do Sul, a SES aponta que 660 estão em isolamento domiciliar, 50 estão internadas – sendo um caso de morador de outra unidade da federação que faz tratamento no estado mas não tem caso contabilizado localmente. Das hospitalizadas, 14 estão em leitos de terapia intensiva.

A taxa de ocupação de leitos de UTI no estado é de 3,3% atualmente e desde o início da pandemia já foram realizados 7.663 testes.

O estado tem ainda 146 casos suspeitos. Essas pessoas aguardam o resultado de exames do Laboratório Central (Lacen). Já se recuperaram da doença 347 infectados no estado. A covid-19 também provocou a morte de 17 pessoas.

A secretária estadual adjunta de Saúde, Christinne Maymone, destacou que o elevado número de casos registrados no estado nos últimos dias representa um alerta para os municípios e a população e indica que é preciso reforçar as medidas de prevenção, em especial o isolamento social.

Ela também explicou que com a nova base de dados para subsidiar o boletim sendo abastecida pelos municípios estão ocorrendo alguns ajustes nas informações apresentadas e citou o exemplo de Porto Murtinho. O município do sudoeste do estado apareceu no boletim de segunda com dois casos. Hoje houve o ajuste e esses casos foram retirados por conta de que as pessoas que estão com a doença não residirem mais na cidade.

O secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, destacou que Mato Grosso do Sul participou neste início de semana junto com Goiás de um esforço humanitário para ajudar o estado do Amapá. Ele explicou que a secretária de Saúde do estado do norte do país pediu ajuda a outras unidades da federação porque estava sem medicamentos de sedação para os pacientes de covid-19 que estão em UTI. Os dois estados do Centro-Oeste emprestaram então esses remédios e um avião levou a carga até o Amapá. “Na quinta-feira, quando o Amapá receber esses medicamentos da indústria vai nos fazer a devolução”, explicou.

Acompanhamento

A SES colocou a disposição do público um painel que apresenta todos os dados sobre a pandemia da covid-19 no estado. Estão detalhados desde a quantidade de casos, municípios, incidência até índice de isolamento, entre outras informações. Para acessar clique aqui!

FONTE: G1

Postar um comentário

0 Comentários