COMPARTILHE


 Clique aqui para entrar
Clique para entrar ������

Abril Verde: mês terá ações de prevenção a acidentes de trabalho

Divulgação

Durante todo o mês, Campo Grande receberá palestras, visitas técnicas e fiscalização in loco para alertar empregados e empregadores sobre a importância de cuidar da saúde e da segurança do ambiente de trabalho

Começam nesta segunda-feira (1º) as ações do Movimento Abril Verde dedicado à prevenção de acidentes e doenças relacionadas ao trabalho. Durante todo o mês, Campo Grande receberá palestras, visitas técnicas e fiscalização in loco para alertar empregados e empregadores sobre a importância de cuidar da saúde e da segurança do ambiente de trabalho.





Só no ano passado, 32 pessoas morreram enquanto estavam trabalhando. Mato Grosso do Sul registrou 8.331 acidentes de trabalho, em 2018. No ano anterior, foram 8.091 casos com 38 mortes. A boa notícia é que os acidentes fatais diminuíram 16%. As profissões com maior número de notificações são alimentador de linha de produção, coletor de lixo domiciliar, técnico de enfermagem, trabalhador rural e motorista de caminhão.





O gestor regional do Programa Trabalho Seguro da Justiça do Trabalho explica que as ações foram planejadas para conscientizar as categorias que mais sofrem acidentes em Mato Grosso do Sul. "As ações de prevenção aos acidentes de trabalho têm se mostrado como importantes aliadas na redução do número de vítimas, inclusive as fatais. Trabalhar a prevenção é, inclusive, economicamente mais vantajoso para as empresas, além de ser a conduta mais adequada do ponto de vista da legislação trabalhista e previdenciária. Há estudos sérios que comprovam que a cada R$ 1,00 investido em prevenção, R$ 4,00 são economizados em custos de absenteísmo e também na reparação por danos causados aos trabalhadores acidentados", afirma o juiz do trabalho Márcio Alexandre da Silva.





Campo Grande é responsável por 41% do total de acidentes no Estado, com 3.405 casos registrados no ano passado, quase 10% a mais em relação a 2017. Dourados aparece em segundo lugar com 794 notificações. O município apresentou um aumento de 18%, o que se deve especialmente aos acidentes ocorridos no setor frigorífico, em 2018. Três Lagoas é o terceiro no ranking de acidentes de trabalho, com 580 casos, o que representa uma queda de 15% se comparado a 2017.





Programação

Durante todo o mês de abril, as fachadas do Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região e do Fórum Trabalhista de Campo Grande serão iluminados com a cor verde para chamar a atenção da população. O obelisco na Afonso Pena, o paliteiro da UFMS, a torre da TV Morena, a sede do Ministério Público do Trabalho, a Câmara Municipal de Campo Grande, a Assembleia Legislativa e o prédio da Faculdade de Tecnologia do SENAI também receberão iluminação verde.





No dia 1º, haverá palestra sobre segurança e saúde do trabalho para funcionários terceirizados de diversos órgãos públicos, na sede do TRT/MS, no Parque dos Poderes. Na quarta-feira (3), o Grupo de Trabalho Interinstitucional (Getrin-24) - composto pelo TRT da 24ª Região, Ministério Público do Trabalho, Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, Fundacentro, Cerest Regional Campo Grande, Cerest Estadual e Sindicato dos Trabalhadores na Área de Enfermagem de Mato Grosso do Sul - irá se reunir para discutir as ações a serem implementadas.





No dia 8 de abril, professores da rede pública de ensino participarão da palestra "Educação é lugar de saúde, não de doença", com o psicólogo Rossandro Klinjey, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo. Motoristas de cargas vivas e perecíveis também receberão ação de conscientização e informações sobre a Lei dos Caminhoneiros, nas rodovias.





Membros do Getrin-24 e técnicos de segurança do trabalho farão uma visita técnica ao aterro sanitário de Campo Grande, no dia 26. Já no dia 30 de abril, profissionais da área da saúde terão um Seminário sobre Saúde Mental, no Museu das Culturas Dom Bosco.





Por que o mês de abril?

Além do Dia da Saúde ser comemorado em 7 de abril, o dia 28 de abril é marcado pelo Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho. A data foi escolhida em razão de um acidente que matou 78 trabalhadores em uma mina no estado da Virgínia, nos Estados Unidos, em 1969. No Brasil, em maio de 2005, foi promulgada a Lei 11.121, criando, na mesma data, o Dia Nacional em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho.





No ano passado, a Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul aprovou a Lei 5.196/2018, sugerida pelo TRT/MS, instituindo o Mês "Abril Verde" e o Dia Estadual em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho. A Câmara Municipal de Campo Grande também criou a Lei 6.005/2018, instituindo no calendário oficial da Capital o mês de prevenção de acidentes no trabalho e doenças ocupacionais.


Fonte: Radio Caçula

Compartilhe no Google Plus

Sobre Itaquirai News

Itaquirai News Seu Portal de Noticias de Itaquirai e Região

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe Seu Comentário...

DOE E AJUDE A MANTER O SITE