COMPARTILHE


 Clique aqui para entrar
Clique para entrar ������

Trabalhador rural confessa ter esfaqueado mulher que teve o corpo furtado de dentro da cova em MS

Coveiro encontrou a terra remexida sobre a cova da mulher no cemitério de Dois Irmãos do Buriti, e ao verificar, constatou que o caixão estava vazio. — Foto: Osvaldo Nóbrega/TV Morena

Na tarde desta quarta-feira (13), um trabalhador rural de 38 anos apresentou-se na delegacia de Terenos acompanhado de 2 advogados e confessou ter esfaqueado Rosilei Potronieli, de 37 anos, em Dois Irmãos do Buriti, no último domingo (10). Segundo a delegada de Dois Irmãos, Nelly Macedo, o suspeito não teria ligação com o furto do corpo da mulher de dentro da cova onde estava enterrada, no cemitério da cidade.





De acordo com a polícia, o suspeito foi ouvido por cerca de uma hora e meia, e disse que teria ido a um bar na noite de sábado, e por volta de 2h de domingo, foi a outro. Neste segundo estabelecimento ele teria esbarrado em Roseli, derrubando a garrafa de bebida dela, e os dois teriam discutido. Ele relatou que teria dito a ela que pegasse outra bebida por sua conta. Na versão do suspeito, quando ele estava indo embora, a mulher teria ido atrás dele e batido em sua cabeça. Ele disse que, com raiva, foi até o carro onde tinha uma faca e atingiu a vítima.

A polícia agora investiga a versão do suspeito. Roseli foi atingida com golpes no abdômen, nádegas, braços e pernas. Ela chegou a ser socorrida e encaminhada à Santa Casa de Campo Grande, mas morreu no hospital. O homem teve a prisão decretada e será encaminhado ao presídio da capital.





Corpo da vítima foi furtado de dentro da cova
Na segunda-feira (11), à tarde, Roseli foi enterrada no cemitério de Dois Irmãos do Buriti. Na terça-feira (12), o coveiro responsável pelo local observou que a terra sobre a cova estava remexida. Ele desconfiou, e ao verificar a situação da cova, verificou que que o caixão estava no local, com alguns panos dentro, mas sem o corpo e sem as flores. O homem avisou a polícia, que acionou a perícia.





A polícia investiga quem poderia ter furtado o corpo da mulher, mas acredita que o suspeito do assassinato não tenha ligação com o caso. Até a publicação desta reportagem, a polícia não tinha informações sobre o paradeiro do corpo de Roseli.

Fonte: G1 MS

Compartilhe no Google Plus

Sobre Itaquirai News

Itaquirai News Seu Portal de Noticias de Itaquirai e Região

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe Seu Comentário...