COMPARTILHE


 Clique aqui para entrar
Clique para entrar 👆👆👆

Candidato ao governo de São Paulo sofre ataque a tiros após agenda de campanha

Carro que levava o major Costa e Silva (DC), que foi alvo de tiros e caiu em um córrego. (Foto: Divulgação/UOL)

O candidato ao governo de São Paulo pelo DC, Major Costa e Silva, sofreu um ataque a tiros na noite de quinta-feira (3) na Estrada Cooperativa, em Ribeirão Pires, na Grande São Paulo. De acordo com a assessoria do partido, Costa e Silva voltava para a capital após uma agenda de campanha.





Em sua página do Facebook, mensagem publicadas a partir das 23h trouxeram informações sobre o ataque ao Major Costa e Silva. Segundo as mensagens, motocicletas fecharam o veículo na Estrada Mauá-São Paulo e fizeram vários disparos contra o carro em que estavam o major e seu motorista, Capitão Munhoz.

Segundo o boletim de ocorrência, o major estava acompanhado de seu motorista, o capitão Hamilton da Silva Munhoz, quando quatro pessoas que estavam em duas motocicletas efetuaram disparos contra o veículo. Um dos tiros atingiu o colete a prova de balas do motorista.





Ainda de acordo com o documento, o major reagiu, efetuando disparos contra os criminosos, que fugiram do local. Após os tiros, o automóvel onde se encontravam o major e seu motorista caiu em um córrego.

Eles foram encaminhados para o hospital Santa Helena sem ferimentos graves. A assessoria do DC confirmou o ataque e diz que o motorista passa bem.Segundo sua mulher, Daniela da Costa e Silva, o major e Munhoz ainda estavam em observação no hospital por volta das 3h. Ela também afirmou que ele vinha relatando ameaças, mas não especificou quais.





O partido trata o ocorrido como um atentado. A PM, no entanto, registrou o incidente como disparo de arma de fogo contra veículo.

Fonte: MídiaMax

Compartilhe no Google Plus

Sobre Itaquirai News

Itaquirai News Seu Portal de Noticias de Itaquirai e Região

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe Seu Comentário...