COMPARTILHE


Moradora de Naviraí morre em acidente de trânsito na MS-386 entre Amambai a Ponta Porã

Patrícia ficou presa as ferragens, sendo que os bombeiros tiveram que fazer o uso do desencarcerador para a retirada de seu corpo. (Fotos:Divulgação)


Uma colisão na tarde de ontem (22), envolvendo um veículo Toyota Corolla cor branca, placas de Naviraí/MS e um Ford Ka cor prata, placas de Ponta Porã, deixou cinco pessoas feriadas e duas mortas. As vítimas fatais são Patrícia Pereira Batista Tome, de 30 anos, moradora em Naviraí e Sara Mascari Barbosa, de 34 anos, moradora em Ponta Porã. 




O acidente ocorreu por volta das 16h20m, no trecho que liga Amambai a Ponta Porã, proximidades do Tagi, na Rodovia MS-386, que corta o município de Aral Moreira.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e ao chegaram ao local constataram que Patrícia que estava como passageira no veiculo Toyota Corolla e Sara que estava no veículo Ford Ka, já estavam sem sinais vitais. 




Patrícia ficou presa as ferragens, sendo que os bombeiros tiveram que fazer o uso do desencarcerador para a retirada de seu corpo.

Outras três pessoas ocupantes dos veículos identificadas como sendo Silvio Tome, 41 anos, Nilde Tome, 73 anos e Izaqueu Dionisio Borges, de 36 anos, foram socorridas e encaminhadas para um Hospital da cidade Ponta Porã.




Segundo informações, os ocupantes do veículo do veículo Ford Ka haviam participado de uma ação religiosa de uma igreja em Amambai e retornavam para Ponta Porã, quando ainda por motivos incertos vieram a se chocar contra o Toyota Corolla que seguiam de volta para Naviraí.

Duas viaturas da PRE (Polícia Rodoviária Estadual), assim como o serviço de Pericia técnica a Policial Civil estiveram no local do acidente. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Aral Moreira como homicídio culposo na direção de veiculo automotor.








Fonte: Tá na Mídia Navirai



http://www.itaquirainews.com/p/blog-page_8.html
Compartilhe no Google Plus

Sobre Itaquirai News

Itaquirai News Seu Portal de Noticias de Itaquirai e Região

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe Seu Comentário...