COMPARTILHE


Veja Também:


Crianças sequestradas pelo pai e encontradas sem vida estavam abraçadas
Mãe dá à luz ao seu 5° filho no carro em movimento e grava tudo

Descaso com delegacias é tema de documentário produzido pelo Sinpol-MS

[Reprodução]

Um documentário produzido pelo Sinpol-MS (Sindicato dos Policiais Civis de Mato Grosso do Sul) mostrando as condições precárias de delegacias em todo o Estado, foi encaminhado para a ONU (Organização das Nações Unidas), disse Giancarlo Miranda, presidente da organização sindical na manhã desta terça-feira (29) na Assembleia Legislativa. O vídeo de 40 minutos, intitulado "A realidade da Policia Civil em Mato Grosso do Sul", mostra o descaso com a segurança pública no Estado.


Durante seu discurso na tribuna, Giancarlo falou sobre o documentário que expõe a realidade da Segurança Pública no Estado. No material produzido são mostradas situações como agressões, tortura e até morte de policiais por espancamento. Foram flagradas situações como de policiais em função de carcereiro, prédios das delegacias em péssimas condições, celas com grades desprendendo das paredes, falta de equipe de limpeza em delegacias obrigando os policiais a se revezar na faxina.

Foram necessários 7 meses para que o documentário fosse concluído. Para coletar o material, 126 delegacias foram visitadas e 5 mil quilômetros percorridos. No filme de 40 minutos são mostradas condições de 33 delegacias do Estado, inclusive da Capital.

“É importante que a sociedade e a Assembleia Legislativa saibam o que acontece na Segurança Pública do Estado. Os investigadores não deveriam fazer papel de agente penitenciário, como está acontecendo. O policial sempre trabalha em desvio de função. Se não houver uma atitude da Assembleia Legislativa, do Estado e da União, a Segurança Pública vai entrar em colapso”, ressaltou Giancarlo.


Além disso, o documentário foi apresentado para a ONU e para a OIT (Organização Internacional do Trabalho). Segundo Giancarlo, representantes das organizações constataram a “precariedade das delegacias e dos serviços dos policiais. Não há como o policial civil desempenhar suas funções nestas condições insalubres”.

Após a explanação do presidente do Sinpol-MS, o deputado Amarildo Cruz (PT) disse que o governo precisa apresentar um plano de combate à criminalidade e de melhoria das condições de trabalho dos policiais.

Cabo Almi (PT) concordou com as críticas feitas por Giancarlo dizendo que é complicado ver a situação dos policiais usando computadores velhos para realizarem o registro das ocorrências e cobrou uma mudança de comportamento.



A deputada Antonieta Amorim (PMDB) reconheceu que o documentário expõe uma tragédia no setor de segurança pública do estado. “Nossa responsabilidade é ter compromisso ouvindo o clamor da sociedade”, ressaltou.

Com 18 anos de trabalho, Coronel David (PSC) declarou que nunca viu nenhum governo dotar de instalações adequadas às polícias, tanto civil como militar.

Os parlamentares planejam realizar uma audiência pública para debaterem o assunto.

Fonte: Mídia Max



http://www.itaquirainews.com/p/blog-page_8.html
Compartilhe no Google Plus

Sobre Itaquirai News

Itaquirai News Seu Portal de Noticias de Itaquirai e Região

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe Seu Comentário...