COMPARTILHE


 Clique aqui para entrar
Clique para entrar 👆👆👆

Cabo do Exército e três são presos por amarrarem casal e roubarem R$ 26 mil e caminhonete em MS

Armas, dinheiro e celulares apreendidos na casa da mulher suspeita de participar de assalto (Foto: Defron/Divulgação)

Um cabo do Exército, dois jovens e uma mulher foram presos por suspeita de invadirem uma residência no Distrito de Itahum, em Dourados, renderem o casal sob ameaça de uma arma de fogo e roubarem R$ 26 mil, a caminhonete e outros objetos.

As últimas prisões foram realizadas na quinta-feira (24) com uma operação da Delegacia Especializada de Repressão ao Crime de Fronteira (Defron).


Ao G1, a assessoria do 9º Comando Militar do Oeste informou que o cabo está preso no quartel, por ser militar, e foi aberta uma sindicância que poderá resultar na expulsão. O prazo de conclusão é de 30 dias, podendo ser prorrogado por mais 30.

O assalto aconteceu no dia 31 de julho à noite. O morador de 52 anos foi rendido quando estava assistindo TV no sofá da sala por um bandido com arma de fogo. A esposa dele, de 48, foi abordada em seguida e ambos foram amarrados com fita crepe.

O primeiro suspeito preso foi o um cabo do Exército de 21 anos, lotado em Ponta Porã, município de Mato Grosso do Sul que faz fronteira com o Paraguai. Com ajuda do Comando do Exército, policiais da Defron realizaram a prisão no dia 15 de agosto.


A partir do cabo do Exército, a polícia identificou os outros três suspeitos, dois jovens de 20 e 22 anos e uma mulher de 32 anos, todos moradores do assentamento Itamarati. O delegado da Defron João Alves de Queiroz pediu dois mandados de prisão e três de busca e apreensão.

Na operação de ontem para cumprir os mandados no assentamento, a polícia localizou os três suspeitos e, na residência da mulher, ainda encontrou um dos aparelhos celulares roubados, o revolver calibre .38 que foi utilizado no roubo, uma espingarda calibre 12, além de 23 cédulas de moeda falsa.


Os suspeitos foram indiciados pelo crime de roubo majorado e a mulher ainda deve responder pelo crime de posse de arma de fogo. Os quatro estão presos à disposição da justiça.

Fonte: G1/MS



http://www.itaquirainews.com/p/blog-page_8.html
Compartilhe no Google Plus

Sobre Itaquirai News

Itaquirai News Seu Portal de Noticias de Itaquirai e Região

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe Seu Comentário...