COMPARTILHE


Criança de sete anos está na UTI após ser estuprada pelo padrasto

Maurinho de Souza foi preso em flagrante por estupro. (Foto: Osvaldo Duarte)


Homem de 29 anos foi preso em flagrante e disse que cometeu o crime porque estava embriagado; menina passou por cirurgia hoje

 Uma menina de sete anos de idade está internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) pediátrica do HU (Hospital Universitário) de Dourados, depois de ser estuprada pelo padrasto, um homem de 29 anos, que foi preso.

O crime ocorreu na aldeia Jaguapiru, que junto com a aldeia Bororó formam a Reserva Indígena de Dourados, a mais populosa do país, com pelo menos 15 mil índios.

De acordo com a assessoria de comunicação do HU, a menina foi encaminhada na tarde de ontem (28) após ser atendida no Hospital da Missão Caiuá.

“Seu quadro era grave e teve de ser submetida a uma cirurgia de reconstrução do períneo, além de medicações específicas para vítimas de violência sexual (medicamentos para coibir a transmissão de DSTs). Ela está internada na UTI Pediátrica, seu estado de saúde no momento é estável e não corre risco de morte”, informou a assessoria, ao Campo Grande News.

Maurinho de Souza, 29, acusado de estuprar a criança, foi preso logo após o crime, por lideranças indígenas na aldeia, que o entregaram à polícia. Segundo o boletim de ocorrência, ele mora há algum tempo com a mãe da menina e ontem saiu na companhia da criança para comprar pão. No meio caminho, ele arrastou a criança para o mato e a violentou sexualmente.

Levado ao 1ª Delegacia de Polícia, onde foi autuado em flagrante, Maurinho de Souza disse a jornalistas que cobrem a área policial que cometeu o crime porque estava bêbado.


Fonte: Campo Grande News



Compartilhe no Google Plus

Sobre Itaquirai News

Itaquirai News Seu Portal de Noticias de Itaquirai e Região

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe Seu Comentário...